Tuesday, September 23, 2008

Sinto-me...

...pequenina...

...tão pequenina...



...suspensa algures num trapézio...sem rede...








apanhas-me?




"
Por querer mais do que a vida
Sou a sombra do que eu sou
E ao fim não toquei em nada
Do que em mim tocou"

1 comment:

EeeVA said...

Da outra vez não consegui..
Agora tem de ficar..
Menina, tu és enorme...
Eu não passei por ti na rua, conheci-te na drave, mas adorei!!!
:)
Porque com poucas palavras percebi que eras especial, e assim do nada abracei-te sem medo! E senti saudades quando parti.
Beijinhooooo *